Animal estava sendo utilizado em trabalho excessivo pelo dono. Foram constatados lesões nos joelhos pela queda e sangramento na boca pelo uso do freio. Cavalo é alvo de maus-tratos em Rosana
Polícia Ambiental
Um homem, de 41 anos, foi autuado pela Polícia Militar Ambiental em R$ 3 mil por maus-tratos a um cavalo, na Avenida Paranapanema, em Rosana (SP), neste domingo (8).
De acordo com a polícia, o animal estava sendo utilizado em trabalho excessivo, chegando a empinar a carroça à qual estava acoplado, o que causou ao equino lesões nos joelhos pela queda e sangramento na boca pelo uso do freio.
Diante dos fatos, foi elaborado em desfavor do dono do animal um auto de infração ambiental no valor de R$ 3 mil por maus-tratos.
Segundo a polícia, o infrator ainda irá responder pelo crime previsto no artigo 32 da lei federal 9.605/98, que é o de “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos”.
De acordo com a lei, a pena é de detenção, de três meses a um ano, e multa.
O animal chegou a ser apreendido pela polícia, mas permaneceu sob a guarda do proprietário, devido à inexistência de um local para destiná-lo, ainda segundo a corporação.
Cavalo é alvo de maus-tratos em Rosana
Polícia Ambiental
Cavalo é alvo de maus-tratos em Rosana
Polícia Ambiental
Cavalo é alvo de maus-tratos em Rosana
Polícia Ambiental
Cavalo é alvo de maus-tratos em Rosana
Polícia Ambiental
Veja mais notícias em G1 Presidente Prudente e Região.